a pop art surge nos Estados Unidos

A pop art para dentro da sua sala

A pop art para dentro da sua sala
Avalie esse Post

Você é daquelas pessoas que tem um estilo mais despojado e gosta de decorar a sua casa com referências de movimentos artísticos? Conheça agora o movimento da Popular Art e descubra maneiras de criar ambientes com tapetes para sala.

O que é pop art?

A pop art inspira na criação de capachos personalizadosO Pop Art é um movimento artístico que se originou na Inglaterra nos anos 50. Surgindo, posteriormente, nos Estados Unidos em 1960 e tornando-se um divisor de águas entre a cultura moderna e a pós-moderna. As obras tinham como objetivo aproximar das massas e fazer uma crítica aos modelos artísticos impostos que estavam em crise. Com temáticas diferentes, cores vibrantes e reflexões que remetessem ao dia a dia, os artistas fizeram colagens, esculturas, pinturas, gibis e muitas outras obras.

Entre os nomes mais consagrados estão  Andy Warhol, Roy Lichtenstein, Claes Oldenburg, James Rosenquist e Tom Wesselmann. Warhol é sem dúvida o nome mais influente, pois retratou muitas celebridades em polaroides e em obras que utilizou a serigrafia. Já Roy Lichtenstein conseguiu por uma técnica de pontilhamento criar obras com referência dos gibis e das HQ’s

A pop art no Brasil repercutiu nas obras de Duke Lee, Baravelli, De Tozzi e outros. A principal contribuição foi a utilização em massa de silk screens em movimento políticos. Os gibis também foram fortemente influenciados.

Como decorar o ambiente com Pop Art?

tapete pixelado é ideal para decorar a salaDepois de ter essa aula você deve estar se perguntando: como decorar a minha sala com características da pop art? A dica é usar um tapete para sala retangular, que seja grande e amplie o ambiente. O tapete para sala deve ter algumas características importantes, como as cores vibrantes e a repetição de padrões. Um tapete pixelado é uma ótima dica para quem quer adotar esse movimento.

Além dele, você pode investir em alguns objetos, como esculturas, abajures, relógios que tenham cores vibrantes ou colagens. Você pode também colocar quadros, polaroides, colagens e estampas que remetam ao cotidiano. Warhol, por exemplo, recriava as latas de sopa Campbell dos anos 1950.

Há a opção também de fazer um capacho personalizado utilizando técnicas das silk screens. Dessa forma você cria texturas, formatos e característica da sua personalidade em um tapete divertido.

Gostou das dicas? Envia sua ideia pra gente!

 

Posted in Acerte no tapete, Sala, Tendências.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *